Como tratar disfunção erétil em jovens

Sim, você não leu errado! Existe sim o problema de disfunção erétil em jovens, e ele é muito mais comum do que se imagina. Eles costumam causar um tremendo desconforto e vergonha, motivos que fazem com que o jovem em questão não procure ajuda.

Diferentemente do que se pensa, esse problema não está diretamente ligado a questão de idade, de fato esse é um poderoso fator de risco, mas esse problema também relação a saúde hábitos de vida, como doenças e sedentarismo por exemplo.

Justamente por este tipo de problema de ereção estar aumentando na população mais jovem é que tantos jovens tem procurado por soluções “fáceis e rápidas” através de remédios como Viagra ou opções naturais como o Power Blue que é um suplemento composto por maca peruana e outros ingredientes naturais que ajudam a combater a impotência.

Para que você entenda melhor sobre o assunto, preparamos esse artigo recheado de informações importantes sobre a disfunção erétil em jovens. Acompanhe!

Como acontece a disfunção erétil?

A ereção é promovida pelo aumento de fluxo sanguíneo no penes, consequentemente, a ausência dela, é causada pela baixa circulação sanguínea na região. Muitos sãos os fatores que podem causar o problema de disfunção erétil em jovens, de um modo geral eles são:

  • Questões emocionais como medo e insegurança,
  • Problemas psicológicos, como depressão, ansiedade etc.,
  • Doenças como diabetes, hipertensão e cardiopatias,
  • Obesidade, sedentarismo e má alimentação,
  • Uso excessivo de álcool, cigarro ou drogas,
  • E muitos outros fatores.

 

Dicas simples para acabar com a disfunção erétil

Apesar de ser um problema comum, a disfunção erétil em jovens faz muitas vítimas. Por sorte, existem algumas dicas simples que podem pôr um fim nessa condição tão desagradável. Veja quais são:

  1. Limpe seu armário de remédios: alguns medicamentos como antidepressivos, analgésicos, remédios para pressão arterial, narcóticos e anti-histamínicos podem causar disfunção erétil.
  2. Mantenha-se em forma: homens que possuem uma circunferência abdominal acima de 100 cm são 2 vezes mais propensos a ter problemas de ereção. Procure manter sua cintura com no máximo 88 cm.
  3. Pare de fumar: o tabaco danifica o revestimento dos vasos sanguíneos, afetando os músculos lisos, o que impede que o sangue flua livremente no seu pênis. Homens fumantes são 51% mais propensos a ter problemas de ereção.
  4. Não leve trabalho para casa: homens com cargos importante e empregos exigentes possuem rotina mais difícil e não conseguem deixar o trabalho no escritório. Isso gera ansiedade e impede que a ereção seja satisfatória.
  5. Tenha um sono de qualidade: dormir 5 horas por dia ou menos diminui os níveis de testosterona de jovens saudáveis em 10 %. Além disso, os hormônios que têm efeito sobre a ereção, a dopamina e serotonina, são regulados pelo sono. Portanto, tente dormir ao menos 7 ou 8 horas por dia.
  6. Controle o consumo de álcool: a bebida alcoólica dificulta a ereção. Mesmo que você não tenha bebido no dia do sexo, se o fez anteriormente, isso poderá prejudicar seu desempenho futuro. Além disso o álcool funciona como um depressor natural, o que pode causar menos excitação e mais cansaço.
  7. Pratique exercícios: uma rotina completa de exercícios pode reduzir consideravelmente inflamações corporais, o que ajuda a eficiência dos vasos sanguíneos.
  8. Evite a ansiedade: ela causa reações químicas que afetam diretamente sua capacidade de ereção. Ela também impede que os neurotransmissores responsáveis pela estimulação da ereção, entrem em ação.

Essas são apenas algumas dicas simples para acabar com a disfunção erétil em jovens, mas se você ainda tem dúvidas,vale a pena assistir um vídeo com mais informações sobre o assunto:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *